terça-feira, 20 de novembro de 2012

Poema galhofeiro

poema galhofeiro


o ladyslaw não era um príncipe
mas era tão bem apanhado como se fosse

o ladyslaw não era um príncipe
mas era tão refinado como se fosse

sabia fazer a corte às damas do clube que frequentava
e eram poucas as que não se deixavam levar pela sua lábia

mas o ladyslaw tinha uma irmã
tão bela e tão refinada quanto ele

não tinha a mesma sorte do irmão
por ter um dente cariado de que não cuidava
(tinha medo do alicate do dentista)
cheirava mal

a irmã do ladyslaw tinha uma inveja desnecessária dele
bastava ir ao dentista
mas entre ir ao dentista e aporrinhar o irmão
a irmã do ladyslaw preferia aborrecer o  ladyslaw

ciente de que ladyslaw não queria que ela o acompanhasse
(e com razão)
a irmã lhe perguntava: quando há baile?

não sei, não quero saber e tenho raiva de quem sabe!

elesbão
17/11/12

Um comentário:

  1. o título desse poema não poderia ser melhor.

    ResponderExcluir