sábado, 15 de setembro de 2012

lencóis amarrotados



1

a insígnia dos corpos
são derivas

devires do presente
estampas da alegria

a rota fronha
o corpo nu

pendem suas franjas
fora da cama


2

os dentes se escovam
os fios do cabelo

café menos amargo
e o doce deleite

na concha da colher
lembra o viés da tarde

a manifestação metafísica
da trepada


3
para jorge coli

como no quadro de coubert
tua buceta aberta

sonha o mundo

Um comentário:

  1. nunca a língua portuguesa o disse dirá com menos palavras. Na mosca.

    ResponderExcluir